Nissan comemora 4 milhões de Altima vendidos nos EUA

A Nissan anunciou ontem (21/12) que a unidade de nº 4 milhões  do sedã Altima foi vendida nos EUA, exatamente 20 anos após o início da fabricação do modelo na planta de Smyrna, estado do Tenesse.

Ajudada pela chegada da nova geração em agosto passado, a marca japonesa também comemorou o novo recorde de vendas do Altima, superando já as 284.762 unidades comercializadas em 2007.

De acordo com a marca japonesa cerca de 25% dos donos do novo Altima são ex-proprietários de modelos da Toyota e da Honda e 11,6% são originários de marcas Premium.

O modelo atualmente é produzido em duas unidades: além da planta de Smyrna, o Altima também sai da fábrica de Canton, Mississipi. Ambas as unidades empregam cerca de 12 mil funcionários. A Nissan do Brasil já anunciou o início da comercialização do sedã no país em 2013.


Pesquisa revela que consumidores evitam carros elétricos devido a três mitos: alcance, preço, cobrança

A Autolist divulgou uma nova pesquisa mostrando as atitudes do consumidor em carros elétricos. Entre outras perguntas, perguntaram…

Piloto automático da Tesla evita cones de trânsito e reconhece pista improvisada de ultima hora – Vídeo

A viagem de carro de Tesla Model X por Carlisle, no Reino Unido, demonstrou recentemente…

Karma Automotive revelou seu primeiro carro totalmente elétrico esportivo com portas de aparência insana

A Karma Automotive, anteriormente conhecida como Fisker, revelou seu primeiro carro totalmente elétrico, um carro…

Elon Musk anunciou que os donos de Tesla poderão assistir Netflix e YouTube no modo de auto-direção

Elon Musk anunciou que os donos de Tesla poderão transmitir o Netflix e o YouTube…

Caindo na real: carros solares sempre serão uma fantasia romântica de ficção científica

A Toyota está testando uma nova versão do seu painel solar no topo do Prius. Mas…

Mazda anuncia primeiro carro totalmente elétrico em 2020

A Mazda tem sido notoriamente lenta em adotar carros elétricos, mas agora parece que estaremos…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *