Fiat 500e elétrico gera 114 cv e conta com botões de câmbio

O Fiat 500e já é vendido na California EUA por US$ 31.000, mas caro usuário do novasdodia.com, brasileiro, sofredor, nem adianta fazer a conversão para sonhar; o carrinho só virá para a terra dos corruptos para a exposição.
O motor elétrico gera 114 cv e 20,4 kgfm de torque disponível a zero rotações como é normal nos modelos movidos a eletricidade. No lugar da alavanca de câmbio, botões como utilizado nas Ferraris e recentemente no novo Uno, acionam os modos da transmissão direta.
2013-fiat-500e-inline-2-photo-511971-s-original
Há mecanismos como a frangem regenerativa para dar uma mão, mas a autonomia do brinquedinho fica pouco abaixo de concorrentes como Nissan Leaf, são 140 km contra 160 km do japonês. O que não atrapalha em um mercado como o americano, onde os elétricos são usados urbanamente e vendidos com descontos proporcionados por alguns estados, enquanto aqui, o governo competente como ele só, ignora estas jóias.
kit-2016-eletrico-carregar
 


Mazda anuncia primeiro carro totalmente elétrico em 2020

A Mazda tem sido notoriamente lenta em adotar carros elétricos, mas agora parece que estaremos…

Veículos elétricos: 2 milhões vendidos em 2018 e devem representar 57% de todas as vendas até 2040

Uma nova previsão de vendas de veículos elétricos diz que mais de 2 milhões de…

Solo EV uma mistura de carro e motocicleta elétrica entregue ao primeiro cliente nos EUA

Quando se trata de carros pequenos e peculiares, muitos deles têm uma maneira de ficar…

Automóveis: ajustes na busca do Google levantam alguns sites de compras online

As guerras de pesquisa do Google não são contestadas em um campo de batalha estático….

Chave do seu carro prestes a ser extintas e substituídas pelo smartphone – Perfectly Keyless

Logo as chaves do carro serão apenas uma lembrança. Na verdade, a Bosch também está…

Tesla alerta para a falta de minerais da bateria, como níquel, cobre e lítio

A Tesla está preocupada que em breve haverá uma escassez global de minerais usados ​​para…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *